Nesta etapa da viagem nossos missionários conheceram a Minerva School, uma escola revolucionária que acredita que nosso futuro depende de líderes melhores e mais inovadores, e por isso trabalha na formação de cidadãos globais, mais informados e preparados para trabalharem juntos nos desafios mais complexos de nosso tempo.

Pedro Guerios nos conta que a metodologia utilizada na Minerva é totalmente on line e voltada para a resolução de problemas. A experiência de aprendizado leva em conta ainda, a mobilidade de seus alunos, que a cada 4 a 6 meses, se encontram numa determinada cidade onde estudam de segunda a quinta e nas sextas e fins de semanas se engajam em trabalhos sociais de alto impacto, nas cidades onde absorvem diversas culturas locais. Acho que já ouvimos falar sobre aprender resolvendo problemas de impacto social no ENIAC, não é mesmo?

Outra etapa da visita que merece destaque foi a Lambda School. Trata-se de um programa imersivo de treinamento voltado para a formação de engenheiros de software. O grande diferencial da Lambda é que o estudante não paga até que alcance colocação no mercado de trabalho e caso isso não ocorra ou mesmo, até que ele alcance uma posição que o permita pagar pelo estudo, este aluno nunca precisará pagar.

Animados com tanta inovação na educação, chegou a hora de conhecer a  Draper University.
Focada principalmente no empreendedorismo, a Draper foi fundada em 2012 por Tim Draper, um famoso investidor de risco do Vale do Silício com uma visão e uma crença de que “para mudar o mundo, temos de mudar a educação”. Especialista em investimentos de risco, Tim exibe um longo histórico de investimentos nas mais renomadas e inovadoras empresas do ramo de comunicação virtual como o Skype, Hotmail, Tesla, Baidu, Theranos, Overture, entre muitos outros.
O objetivo principal da Draper é ensinar empreendedorismo global de uma forma totalmente nova, por meio de um currículo inovador e sob a liderança de seu fundador, a Draper reúne jovens empresários, fundadores de startups, executivos e investidores sob o mesmo teto, para fazer do aprendizado um exercício verdadeiramente significativo.

Interessante acompanhar todas essas novidades não é mesmo? Mais interessante ainda é avaliar as possíveis adaptações que podemos fazer de modo a adaptá-las a realidade brasileira, inserindo-as em nossos currículos. Nós do ENIAC, cientes de nossa missão, nos sentimos orgulhosos de saber que estamos no caminho certo, rumo a uma educação inovadora voltada a formação das futuras gerações que certamente serão capazes de construir um mundo melhor.

#orgulhodesereniac

Ana Bondioli

Por: Ana Bondioli

Publicado em: 5 de abril de 2019

Categorias: Educação, Faculdade, Inovação, Internacionalização, Tecnologia da Informação, TI
Tags: , , .