Você, professor, já teve a sensação de que a sala de aula é "pequena demais" para trabalhar todo um conteúdo de estudo?

Pois foi isso que sentiu nosso querido Lucas Carlos, Professor do Ensino Médio Integrado do Colégio Eniac. Ele percebeu que o conteúdo que trabalhava em sala de aula poderia (e deveria) ser explorado e que seus estudantes poderiam ir mais longe, no que tange ao desenvolvimento de suas competências maker.

Assim, o jovem professor, hoje com 24 anos, em parceria com seu jovem aprendiz a guru maker, de apensas 14 anos, o aluno Luiz Felipe de Souza Delgado, do 1º ano do Curso Técnico de Mecatrônica do Eniac, resolveram oferecer,  no contraturno (ou contraperíodo) das aulas regulares, uma espécie de treinamento especializado em corte a laser. O público alvo convidado, foram os seus já estudantes, todos alunos dos Cursos Técnicos de Informática e Mecatrônica dos 1º anos do Colégio ENIAC.

O prof. Lucas nos conta que, ao lecionar para as referidas turmas, uma disciplina técnica 4.0 chamada Manufatura de Aditiva, percebeu que seria possível e necessário, uma outra dinâmica de aula, que proporcionasse, por sua vez, uma vivência mais personalizada e intensiva em experiências práticas. Foi neste momento que lembrou da Sala de Aula Invertida, método que conheceu durante uma das capacitações docentes, promovida pela Equipe de Inovação Pedagógica do Eniac, das quais participou.

Lucas então considerou o conhecimento prévio que seus estudantes já haviam construído (em sala de aula) e organizou um processo adicional de aprendizado, aproveitando-se da estrutura do FABLAB Eniac, onde seus alunos puderam: (i) estar no laboratório para além de suas aulas e imprimir seus próprios ritmos de trabalho; (ii) manusear a cortadora a laser para cortar modelos já criados por eles, conectando, deste modo, a prática com o aprendizado em sala de aula; (iii) aprofundar seus conhecimentos acerca da modelagem 3D e para o desenvolvimento de protótipos e, principalmente, (iv) trabalhar e descobrir juntos, auxiliando uns aos outros, com as próprias mãos. 

Satisfeito e bastante orgulhoso com a performance de seus alunos e de seu jovem aprendiz (Luiz Felipe), que já se coloca como um competente guru-maker, Prof. Lucas comenta que o treinamento está sendo um sucesso. Cerca de 80 alunos se dividem em pequenos grupos que se revezam entre as atividades propostas.

Parabéns Professor Lucas e Luiz, são pessoas como vocês que nos fazem acreditar ser possível promover a educação para o futuro!

#orgulhodesereniac

Ana Bondioli

Por: Ana Bondioli

Publicado em: 30 de março de 2019

Categorias: Aprendizagem Ativa, Colégio, Educação, Ensino médio tecnico, Inovação, Tecnologia
Tags: , .